Frente pela Soberania

Análises Políticas, Econômicas e Sociais

Aa aA

Política para Indignados

Foto

Política para Indignados

Juízes mais próximos do Pentágono do que do Brasil

Roberto Requião, senador, PR

06/02/2018

O julgamento de Lula é o julgamento do Judiciário brasileiro. Com ele será possível identificar se juízes e procuradores do país estão mais próximos da cadeia de comando do Pentágono do que dos interesses nacionais. De fato, o recente enunciado do Pentágono de que os Estados Unidos devem usar as alegações de corrupção no mundo para promover seus interesses estratégicos não é um documento secreto. Países que se investem de um caráter hegemônico não escondem suas intenções. O mundo simplesmente deve acomodar-se a elas.

É difícil saber o nível de consciência do juiz Moro e dos procuradores da Lava Jato sobre a extensão de sua subserviência aos interesses norte-americanos. Talvez pensem que suas frequentes idas aos Estados Unidos não são para receber ordens, mas para dar informações a-políticas. Talvez achem que os governantes americanos sempre tem boas intenções. Não vêem que a determinação americana de submeter outros países ao regime que acha melhor já resultou na destruição do Iraque e da Líbia como países soberanos, quase liquidou com o Egito, e só não fragmentou a Síria porque Rússia, China e Irã não deixaram.

Na Turquia o projeto geopolítico norte-americano também fracassou. Um golpe armado nos Estados Unidos por um clérigo multimilionário, no comando de um rede jurídica entreguista, esbarrou na inteligência russa e na reação do presidente Erdogan, que promoveu um contra-golpe fulminante de que resultaram a prisão e o julgamento sumário de milhares de pessoas ligadas ao mundo jurídico golpista. A imprensa brasileira não noticiou o fato, a não ser para criticar Erdogan, cumprindo sua meta de ser uma espécie de frente ideológica avançada da OTAN no hemisfério sul. Enfim, é preciso saber de que lado estão o juiz e os procuradores da Lava Jato, se do Brasil ou dos Estados Unidos. Por que destruíram as grandes empreiteiras brasileiras, em lugar de só condenar os empreiteiros corruptos e deixar a salvo as empresas? Há décadas que os Estados Unidos pressionam pela abertura do setor brasileiro de serviços. Conseguiram pelos bons ofícios de Moro e de seus procuradores.

Endereço desta página:
http://www.frentepelasoberania.com.br/politica/juizes-mais-proximos-do-pentagono-do-que-do-brasil/

Compartilhar
Leia também:
×